[White Paper] A importância da confiança nas organizações

Nas organizações, a relação de confiança passou a ser essencial, visto que contratos e controles formais não são suficientes para assegurar a tranquilidade das partes envolvidas em uma relação, influenciando a eficácia, a eficiência e o desempenho das empresas. Um outro aspecto importante é a confiança no líder, que tem grande impacto no engajamento do colaborador.

Segundo Paul J. Zak, em seu estudo publicado na Harvard Business Review em janeiro de 2017, estimular uma cultura de confiança nas organizações é a forma mais eficaz de combater o baixo envolvimento dos colaboradores no trabalho, aumentando a produtividade e a colaboração, além de cultivar uma força de trabalho mais feliz e mais leal.

Em outra pesquisa realizada, com uma amostra de 1.460 colaboradores pertencentes a 50 empresas que estão utilizando o Pulses (www.pulses.com.br), uma ferramenta de Continuous Pulse Survey (pesquisa contínua por pulsos), foi possível identificar que os colaboradores altamente engajados apresentam, em média, uma confiança no líder 54% maior que os colaboradores neutros e 93% maior do que colaboradores desengajados. E não foi só isso, também foi apontado uma relação entre Confiança no líder e NPS (Net Promoter Score), que mede o quanto os colaboradores recomendam os produtos e serviços da própria empresa.

Quer saber mais dados sobre essas pesquisas? Deseja saber como estimular essa cultura nas organizações? 

Clique aqui e baixe nosso White Paper!