Home » Blog » Segurança psicológica » Como os benefícios corporativos podem promover a saúde mental nas empresas?
Compartilhe

Como os benefícios corporativos podem promover a saúde mental nas empresas?

6 min leitura

Todos os anos, doenças relacionadas à saúde mental nas empresas, como depressão e ansiedade, geram um impacto econômico global de cerca de US$1 trilhão em perda de produtividade.

Além disso, problemas relacionados à saúde psicológica estão entre as principais causas de incapacidade e afastamento do trabalho no Brasil. Tudo isto, é claro, reflete diretamente no lucro das organizações.

Dessa forma, cada vez mais empresas buscam entender a relação entre o ambiente de trabalho e a saúde mental do trabalhador e o que fazer para garantir o bem-estar corporativo

Neste cenário, o investimento em benefícios para os colaboradores tem se mostrado uma solução eficiente para este desafio.

Por isso, se você quer implementar esta estratégia, mas ainda não sabe como, continue a leitura! Neste post feito pela Valem, vamos falar sobre o uso de benefícios corporativos para promover a saúde mental nas empresas.

Como o ambiente de trabalho afeta a saúde mental?

A verdade é que grande parte dos profissionais passa a maior parte do seu dia em atividades relacionadas ao trabalho. Assim, não há como negar a influência que estes ambientes podem causar na saúde física e mental dos colaboradores

Neste cenário, algumas das principais condições de trabalho que podem refletir de maneira negativa sobre os funcionários são:

Homem ao lado de celular mostrando ícones de frutas em referência a dicas de saúde e bem-estar de colaboradores
    • volume de trabalho excessivo;
    • jornadas abusivas;
    • pressão por produtividade;
    • ameaça constante da perda do emprego;
    • falta de reconhecimento;
    • participação limitada sobre a área de atuação;
    • bullying ou assédio;
    • cultura organizacional mal gerida.

Além disso, a pandemia da Covid-19 agravou ainda mais os índices de doenças relacionadas ao trabalho. Principalmente em razão da necessidade de um processo de adaptação acelerado aos novos formatos de jornada híbrida ou home office.

Afinal, é fato que este novo modelo de trabalho rompeu algumas das barreiras entre vida profissional e pessoal.

Além de impactar a forma como os profissionais lidam com fatores como a gestão de tempo, a produtividade e a integração com a equipe.

Close-up de uma psicoterapeuta mantendo a mão da paciente durante consulta em referência a saúde mental nas empresas

Qual é o impacto da saúde mental nas empresas?

A saúde mental nas empresas tem uma relação direta principalmente com a sua lucratividade. Isto porque ambientes mentalmente tóxicos para os colaboradores tendem a resultar em:

    • baixa produtividade;
    • redução do engajamento;
    • altas taxas de turnover;
    • elevação do índice de absenteísmo;
    • queda dos resultados individuais e coletivos;
    • gastos financeiros com afastamentos médicos;
    • dificuldade para conquistar e reter talentos.

Tudo isto causa um grande desgaste do clima organizacional. Afinal, colaboradores com a saúde mental comprometida causada por situações de trabalho se sentem mais insatisfeitos. O que pode torná-los detratores da organização.

Dessa forma, a empresa passa a lidar não apenas com uma crise interna entre o quadro de funcionários, mas também como uma crise externa de imagem causada por esta situação.

5 benefícios corporativos para promover o bem-estar mental

Diante deste cenário, muitos gestores têm buscado alternativas para promover a saúde mental nas empresas e o bem-estar dos colaboradores no ambiente de trabalho.

Nesse sentido, os benefícios corporativos têm se apresentado como uma solução eficiente para enfrentar este desafio.

Por isso, listamos 5 benefícios que você pode adotar na sua empresa para estimular a saúde mental dos profissionais. Confira!

Programas de saúde mental

Proporcionar um acompanhamento psicológico por meio de programas de saúde mental para os colaboradores é uma forma de tratar a situação de maneira preventiva.

Para isso, é possível oferecer um acompanhamento psicológico por meio de parcerias com profissionais ou entidades especializadas em saúde mental. Afinal, este é um serviço inacessível para grande parte da população brasileira.

Plano de saúde

Não é segredo que os planos de saúde estão entre os benefícios corporativos mais importantes na visão dos colaboradores.

E uma pesquisa realizada pela Fractl, no último ano,  indicou que cerca de 90% dos entrevistados passaram a enxergar ainda mais valor neste benefício após a pandemia.

Assim, oferecer um plano de saúde empresarial para os seus colaboradores também é uma forma de contribuir para a sua saúde mental. Isto porque, com isso, eles terão a garantia de assistência médica sempre que necessário.

Além disso, mesmo os planos mais simples oferecem a possibilidade de inclusão de dependentes, proporcionando segurança para o colaborador em relação à sua saúde e da sua família. 

Gympass

O Gympass é um benefício corporativo que possibilita que os profissionais tenham acesso a academias, aulas virtuais de atividades físicas e aplicativos de meditação, por exemplo.

Por isso, este também é um benefício que vem sendo incorporado pelas empresas que buscam investir no bem-estar físico e emocional dos colaboradores.

Afinal, a prática regular de atividades físicas é fundamental para garantir o condicionamento do corpo. Mas, além disso, ela também pode fazer muito pela saúde mental nas empresas.

Manter uma rotina de exercícios contribui para a melhora da capacidade cognitiva e para a redução dos níveis de ansiedade, estresse e irritabilidade.

Jornadas flexíveis

As jornadas flexíveis podem estar relacionadas tanto aos novos formatos de trabalho híbrido e home office, quanto à flexibilidade da carga horária.

Em ambos os casos, o foco está em garantir que o colaborador tenha liberdade de escolha para decidir o melhor horário e local para exercer suas atividades. Desde que se mantenha o compromisso com as demandas da sua função.

Dessa forma, o profissional tem a oportunidade de adaptar a sua rotina para equilibrar vida pessoal e profissional de acordo com sua necessidade. Assim, ele pode se sentir mais valorizado pela empresa e, consequentemente, mais satisfeito no ambiente de trabalho.

Educação financeira

A verdade é que 7 em cada 10 brasileiros reconhecem não conseguir lidar com imprevistos financeiros. Como resultado, mais de 74% das famílias do país estão endividadas.

Esta realidade é suficiente para tirar a estabilidade mental de qualquer pessoa.

Nesse sentido, as empresas começaram a perceber que colaboradores com dificuldades financeiras tinham baixos níveis de motivação e produtividade, além de maiores chances de desenvolverem problemas relacionados à saúde mental.

Assim, benefícios corporativos voltados para a educação financeira, como workshops, consultorias com experts no assunto e  crédito consignado privado, podem representar grandes vantagens para os profissionais e impactar positivamente a saúde mental nas empresas.

Quer saber mais sobre como os benefícios corporativos podem otimizar os resultados da sua equipe? Acesse o blog da Valem e confira outras dicas sobre o assunto!

 

Este conteúdo foi escrito pela Valem, administradora de benefícios

O que você achou ?
Curti
Divertido
Adorei
Surpreso
Chateado

Obrigado pelo seu feedback!

Através dele conseguiremos melhorar cada vez mais a sua experiência.

Quer receber mais conteúdos incríveis?

Cadastre-se e receba semanalmente nossos conteúdos por e-mail!