Home » Blog » Liderança » Produtividade no trabalho remoto: como estimular os colaboradores?
Compartilhe

Produtividade no trabalho remoto: como estimular os colaboradores?

Por Fábio Bucior 6 min leitura

O trabalho remoto traz muitos benefícios para a organização, como economia de recursos e de tempo de deslocamento. Porém, há alguns desafios para a equipe se engajar nas demandas do home office e manter a boa produtividade no trabalho remoto.

Diante da pandemia de COVID-19, o que era uma opção se tornou uma necessidade. Assim, gestores e colaboradores estão passando pelo processo de adaptação ao trabalho em casa.

Promover produtividade nas atuais condições laborais é perfeitamente possível com apoio das estratégias certas. Neste conteúdo especial, vamos mostrar várias medidas para você estimular os colaboradores e ajudá-los a manter o rendimento no trabalho remoto.

Venha com a gente para aprender mais sobre o tema! 

Quais são as vantagens do trabalho remoto?

O trabalho remoto é uma boa alternativa para economizar recursos e tempo de deslocamento no dia a dia. Muitas empresas utilizam home office em alguns dias da semana como estratégia de estímulo para o profissional.

A alternativa é muito positiva para os colaboradores conciliarem a jornada de trabalho com o tempo com a família, por exemplo. O trabalho remoto demanda um pouco de adaptação, mas há ótimas soluções para facilitar o processo.

Como estimular a produtividade no trabalho remoto durante a pandemia?

Há desafios no trabalho remoto, mas podemos ver grandes oportunidades nele. Há ações simples que podem contribuir muito para manter o time engajado, unido e produtivo no momento atual. Confira essas estratégias a seguir!

Faça medidas do engajamento e da produtividade

Dados objetivos podem ser um ótimo estímulo para os colaboradores. As métricas para acompanhar engajamento e produtividade são uma boa fonte de orientação para o profissional. No trabalho remoto, a medida é bastante positiva.

É comum que pessoas já acostumadas a trabalhar fora tenham a sensação de que estão produzindo menos em casa. Isso pode levar a comportamentos de compensação, como o excesso de horas de atividade, gerando desgaste, estresse e doenças ocupacionais.

Com as métricas, a equipe conta com informações precisas e concisas sobre engajamento e rendimento. Isso gera efeitos positivos para a manutenção de um bom desempenho preservando uma boa produtividade e qualidade de vida.

Ofereça suporte à equipe

A pandemia é um momento de incertezas, e o apoio pode contribuir muito para melhorar o bem-estar do profissional.

Dialogar com os colaboradores sobre saúde, qualidade de vida e dificuldades que eles enfrentam no dia a dia da quarentena é uma medida essencial para a equipe ficar mais estimulada. 

Essa proposta torna a rotina mais leve e permite que os trabalhadores compartilhem experiências. A partir desses diálogos, é possível encontrar alternativas e desenvolver soluções positivas em conjunto.

Acompanhe métricas de desempenho

Conforme mencionamos, as métricas oferecem maior objetividade para o profissional, sendo uma boa fonte de orientação. Destacamos que o ideal é gerenciar performance de forma contínua.

Afinal, avaliações de desempenho feitas de forma isolada têm muito viés e não fornecem uma informação tão precisa. Se você coleta dados com frequência, é possível realizar as intervenções corretas para potencializar resultados.

Isso é bem relevante para estabelecer metas realistas, mas que também apostam na capacidade do colaborador. A partir daí, você lança desafios, o que é uma ótima fonte de incentivo para o trabalhador.

Incentive a prática de atividade física

As atividades físicas são uma boa forma de estimular os profissionais e aumentar a produtividade no trabalho remoto. Isso porque elas ajudam na promoção da saúde corporal e mental, prevenindo doenças e auxiliando no alívio da tensão do dia a dia.

Os exercícios permitem que os profissionais tenham mais disposição para o trabalho, além de melhorarem a concentração nas tarefas. 

Uma boa ideia é oferecer alguns treinamentos com instrutores para os colaboradores. Isso ajuda na rotina do time e gera melhor aproveitamento do tempo na quarentena.

Faça Coffee Break Virtual com o time

A hora do café na empresa é muito importante, para o pessoal descontrair e conversar, não é mesmo? Como na quarentena não dá para os colaboradores se reunirem fisicamente, podemos achar uma alternativa criativa e que também garante estímulo para o time.

O Coffee Break Virtual é uma chance para todos fazerem a pausa do café, trocarem ideias e quebrarem um pouco da rotina. Você pode marcar um horário viável para a equipe se reunir em um aplicativo.

Ofereça capacitação

Os processos de educação corporativa possibilitam a reciclagem de conhecimentos e a ampliação de repertório dos profissionais. A aprendizagem é naturalmente reforçadora e gratificante, contribuindo para incentivar a equipe.

Além disso, a capacitação ajuda a fortalecer o senso de pertencimento do colaborador à organização. O profissional percebe que estão apostando no potencial dele. Isso gera uma resposta muito positiva, estimulando a dedicação, a cooperação e o bom desempenho.

Trabalhe com uma comunicação clara

A gestão do trabalho remoto pode ser potencializada com uma comunicação clara e efetiva. Para isso, utilize uma linguagem adequada, com pedidos expressos de forma detalhada. Também alinhe as expectativas e mostre exatamente o que é esperado da tarefa.

Outro fator essencial são os feedbacks constantes, para garantir resultados de acordo com o desejado. Com essas medidas, o fluxo de trabalho funciona de forma harmônica, contribuindo para a motivação da equipe.

Aproveite as potencialidades da tecnologia

Graças aos avanços da tecnologia, o trabalho remoto é uma alternativa viável e produtiva na atualidade. Para isso, é importante conhecer diversas ferramentas para gerenciar as variáveis organizacionais e melhorar a comunicação.

A Pulses é uma plataforma de gestão contínua de pessoas para gerenciamento de clima organizacional, engajamento, employee experience e comunicação interna. É uma excelente solução de apoio a gestão de pessoas com foco na experiência do colaborador.

A plataforma possibilita a escuta contínua do colaborador, além de proporcionar feedback e trocas construtivas entre gestores e profissionais. Assim, a Plataforma Pulses permite potencializar resultados e maximizar os incentivos para a equipe.

Comece agora a acompanhar a sua equipe

É importante acompanhar seu time remoto nesse momento, pois, para muitos colaboradores, o home office é novidade e eles podem sentir dificuldades na adaptação.

Faça alinhamentos e invista em soluções de comunicação, para garantir um fluxo de trabalho funcional e uma boa produtividade no trabalho remoto. Lembre-se também das dinâmicas para unir a equipe e fortalecer o sentimento de pertencimento dos profissionais.

E então? Gostou de aprender sobre como incentivar o time no teletrabalho? Aproveite e baixe nosso eBook!

 

Banner com fundo branco onde aparece um livro para representar a gestão de produtividade no trabalho remoto

Fábio Bucior Cofounder, Head of Engineering da Pulses. Administrador, pós-graduado em Gerência de Projetos. Experiência com gerência de projetos de tecnologia de informação, desde o planejamento, gestão e desenvolvimento de plataformas e sistemas aplicados à Recursos Humanos, Treinamentos e Educação. Professor de graduação e pós-graduação. linkedin.com/in/bucior/
O que você achou ?
Curti
Divertido
Adorei
Surpreso
Chateado

Obrigado pelo seu feedback!

Através dele conseguiremos melhorar cada vez mais a sua experiência.

Quer receber mais conteúdos incríveis?

Cadastre-se e receba semanalmente nossos conteúdos por e-mail!