Por Renato Navas
8 min leitura

Liderança: saiba como ter os melhores líderes na sua empresa

 

Mesmo que você já tenha lido inúmeros artigos sobre liderança, podemos garantir que sempre há algo de novo a aprender. Isso porque se trata de um tema fluido, sujeito a mudanças, que precisa acompanhar os diferentes momentos do mercado e do mundo.

 

Somos provas reais disso, certo? A pandemia é o melhor exemplo, pois gerou  questionamentos, necessidades de adaptações, exigiu novas skills e desenvolvimento de líderes no mundo corporativo. Não havia ninguém com bagagem para oferecer segurança suficiente nas tomadas de decisões a partir da chegada da covid-19.

 

Diante de uma situação tão intensa e diferente, a área de Recursos Humanos foi a que se deparou com o maior desafio. Garantir o equilíbrio das emoções e proporcionar o bem-estar da equipe na tentativa de reduzir os impactos da brusca reviravolta nas relações de trabalho não foi – e ainda não é – tarefa simples. 

 

Nos referimos aqui aos papéis de mais influência dentro de uma empresa e que, principalmente por esse motivo, precisam de cooperação e de ações em conjunto. O comportamento dos líderes e do RH simbolizam um termômetro para os colaboradores, e isso nos inspirou a produzir um artigo sobre a representatividade da camada de liderança. 

 

Confira nesta leitura o que é esperado de um líder atualmente, de que forma o RH pode ajudar, quais são as características e perfis buscados nas lideranças e como tudo isso está relacionado ao nível de engajamento da equipe

 

liderança

Liderança: o que significa ser líder hoje?

Dentro de um turbilhão de transformações, o que é exercer a liderança? Três pontos merecem ser considerados na busca por essa resposta:

 

  • A repentina aceleração do uso de tecnologias e da digitalização das relações;

  • A alteração do regime de trabalho com o distanciamento social dentro de muitas organizações;

  • ESG (Environmental, Social and Governance, ou seja, práticas empresariais preocupadas com critérios ambientais, sociais e de governança) cada vez mais presente nas tomadas de decisão.

 

Para a Harvard Business Review, o conjunto desses aspectos gerou novos paradigmas. A instituição buscou líderes de empresas como Microsoft, Cleveland Clinic e Philips para realizar uma pesquisa e descobrir como caminhar rumo a uma liderança de sucesso no que chamou de “nova era de criação de valor”

 

Isto é: existe um movimento motivado por uma forma diferente de consumo. Mais do que produtos e serviços, as pessoas agora buscam  propósito e valores das marcas que consomem.

 

Outra contribuição para os novos modelos são as alterações significativas de convívio no que antes chamávamos de ambiente de trabalho. Para se ter uma ideia, um levantamento da Gartner prevê que 46% das pessoas trabalhem de forma híbrida de agora em diante.

 

Veremos a seguir, portanto, o que é esperado da camada de liderança de uma empresa como consequência de todas essas considerações.

 

Os papéis da liderança: quais as habilidades essenciais dos líderes?

Segundo os líderes ouvidos pela Harvard Business Review, o cenário moderno exige perfil estratégico, visionário e hábil para agir de forma rápida, mesmo frente a complexidades. 

 

Ousadia em tempos incertos também é uma característica bem-vinda; é preciso se abrir para assumir novas posições caso seja necessário, e a humildade é esperada como uma estabilidade nessa balança. O melhor líder no mercado atual é aquele que reconhece o que não sabe e se dispõe a aprender

 

Conhecimentos em tecnologias e o que elas podem fazer pelas empresas são mais um destaque, mas sem deixar de lado a humanização e o olhar voltado às pessoas

 

Estamos atravessando uma fase de recolocação das organizações. São visados líderes com clareza acerca dos propósitos e valores a serem perpetuados, aptos a inovarem e experimentarem novidades sem se desvincular da mensagem que uma marca se propõe a reproduzir.  

 

Confiança e integridade aparecem como pilares. As lideranças devem estar dispostas a trabalharem colaborativamente, inclusive com os clientes que desejam participar dos ecossistemas em um mundo com compartilhamento de dados. 

 

Por fim, líderes na era digital que priorizarem especificidades de parceiros, de consumidores próximos e de comunidades locais – mantendo, também, um pensamento global sobre os serviços e produtos do negócio – terão mais chances de sucesso. 

 

É imprescindível a conscientização por parte do RH para validar estes atributos no time de  atuais líderes. 

 

Desafios da liderança: descubra o que é preciso desenvolver

O que fazer para analisar os perfis de liderança que prevalecem na sua empresa hoje e como identificar competências com possibilidade de aprimoramento no time? Uma posição de destaque no mercado, hoje, está condicionada a isso. 

 

Ainda que cada negócio tenha suas particularidades e deva analisar sua situação de forma individual, algumas práticas têm igual potencial nas empresas. São elas: comunicação objetiva, bem-estar das pessoas e reforço da cultura organizacional

 

Por enquanto, vale ressaltar que a diversidade e a colaboração podem fazer muita diferença. O estilo de liderança hierárquico corre o risco de desaparecer. O líder engajador entra em cena, pois consegue alimentar no colaborador a vontade de trabalhar junto, sem abalar a relação entre líder e liderado. 

 

Portanto, aposte em tecnologia. Você precisa de respostas dinâmicas, com riqueza de detalhes sobre os gestores da corporação para traçar um plano de ação efetivo e específico para o momento da sua empresa. Uma plataforma de gestão contínua de pessoas representa uma importante aliada neste caso, como a solução oferecida pela Pulses.

 

Com as informações em mãos, prepare-se para vencer os desafios – que são muitos. Priorize os dados, pois somente eles são passíveis de retratar uma visão precisa sobre as carências da equipe. Com o conhecimento sobre a realidade do time, ficará muito mais fácil propiciar uma organização conjunta entre RH e líderes.

 

Qual a relação entre o RH e a Liderança?

Mais do que nunca, a atuação integrada entre o RH e a Liderança é primordial. O momento é de muito alinhamento, muito diálogo e muita adaptação.

 

Você sabe, por exemplo, qual é o sentimento dos colaboradores da empresa hoje? A área de Recursos Humanos é o canal mais efetivo de abertura para ouvir a organização por completo. Lembra da plataforma de gestão contínua citada há pouco aqui no artigo? Pois bem, agora ela entra em cena mais uma vez. 

 

Ao falarmos em sentimento, nos referimos ao clima organizacional. Se o seu RH ainda não tem implementada uma pesquisa contínua por pulso, considere essa ideia. A partir dela você terá embasamento suficiente para entender as dores e necessidades em cada contexto, desenvolvendo, preparando melhor e empoderando os líderes da equipe. Esse é o papel do RH

 

Ações do RH para desenvolver e dar autonomia às lideranças

Reflita sobre a ideia de estruturar ações complementares para agilizar o desenvolvimento dos líderes da empresa. Algumas práticas são capazes de fortalecer a segurança dos gestores. Por exemplo:

 

Sensibilização

Mantenha ativa a consciência da camada de liderança sobre o clima e o engajamento das equipes. O líder é o espelho de um time e é preciso dosar força e transparência. Ser uma liderança presente, integrar os colaboradores e incentivar diálogos são pontos que favorecem a empatia e um clima positivo. 

 

Treinamento

Aprimoramento técnico, capacitações e qualquer atividade dedicada ao desenvolvimento da liderança deve ser algo inerente à cultura corporativa. Muitas vezes, não é necessário buscar essa solução fora da organização.  Líderes da própria empresa com mais experiência podem ajudar nessa hora, repassando conhecimento sobre tomadas de decisões e relacionamento com a equipe, entre outros assuntos. 

 

Rituais de liderança

Rituais em ampla e pequena escala estimulam a integração e aumentam o senso de pertencimento. Falamos em reuniões e eventos gerais da empresa (com a participação de todos os colaboradores), entre diferentes equipes e com os integrantes de um time. É importante compartilhar objetivos, mudanças, resultados, projetos e visões sobre o momento

 

RH consultivo

Fomente a visão estratégica da área de RH. Antecipe-se às mudanças, tenha comunicação clara e eficiente, conectada à cultura organizacional. O RH pode não ter as respostas na hora, mas precisa buscá-las. 

 

 

Ainda sobre o último item listado acima, vale reforçar: quando a área de Recursos Humanos possui insumos suficientes (processo e dados) para descentralizar a gestão do clima e engajamento dos times, o empoderamento dos líderes acontece

 

 

Para Rafael Quinteiro, head de RH da Bridge Consulting, é fundamental trabalhar ciclicamente testando soluções, analisando resultados, aplicando novos testes e assim por diante. Foi dessa maneira que a empresa conquistou índices superiores a 90% de participação dos colaboradores em ferramentas de medição do clima de trabalho.

 

 

No Podcast “Como empoderar líderes e cuidar do engajamento: case Bridge Consulting”, Rafael conta como tem sido a experiência de aplicar pesquisas contínuas por pulso e como isso se tornou um instrumento para dar autonomia às lideranças.  

Como as lideranças podem colaborar com o engajamento e performance dos colaboradores?

Não existem fórmulas ou respostas prontas. Então, permita-se errar, aprenda, ajuste o que for necessário. 

 

De acordo com a Harvard Business Review, espera-se que os gestores passem a ter menos visibilidade sobre a realidade cotidiana dos funcionários, concentrando-se mais em entregas e menos em processos. A nova era da gestão aponta que será mais importante entender como as pessoas se sentem do que monitorar o que elas estão fazendo

 

Compreender essa nova forma de liderar é um grande passo para colaborar com o engajamento e performance dos colaboradores. Oriente os líderes da empresa a fornecer o máximo possível de premissas, visão, recursos e apoio

 

Renato Navas, Head of People Success da Pulses, abordou esse ponto no webinar Rituais de Liderança, que nós te convidamos a assistir para complementar a leitura deste artigo:

 

rituais-de-liderança

O que você achou ?
Curti
Divertido
Adorei
Surpreso
Chateado

Obrigado pelo seu feedback!

Através dele conseguiremos melhorar cada vez mais a sua experiência.
Compartilhe

Quer receber mais conteúdos incríveis?

Cadastre-se e receba semanalmente nossos conteúdos por e-mail!